Quem sou eu?
A minha fotografia
Requiem

Pessimista e negativo por natureza, cheio de energia e sempre stressado ou a correr de um lado para o outro. Tenho tendencia a tentar fazer tudo o que me interessa, o que me leva a deixar muitas coisas a meio. Apaixonado pelo Japao e tudo o que com ele esta relacionado.

Ver o meu perfil completo
Etiquetas
Avulso (232)
Blogs (53)
Google (12)
Leituras (28)
MP3 (38)
Parvoeiras (307)
Pensamentos (122)
Refilanços (139)
Solitariedades passadas
Free Twitter buttons from languageisavirus.com


Stalkers

A ler
A ler
Na lista de espera
A Arte da Guerra - Sun Tzu

A Conspiração - Dan Brown

A Fórmula de Deus - José Rodrigues dos Santos

A Rapariga que Inventou um Sonho - Haruki Murakami

A Senhora das Especiarias - Chitra Beneju Divakaruni

A Vida de Pi - Yann Martel

Eclipse - Stephenie Meyer

Fernão Mendes Pinto no Japão - Wenceslau de Moraes

Geisha - Liza Dalby

Kimono - Liza Dalby

O Culto do Chá - Wenceslau de Moraes

O Código D'Avintes - Vários Autores

O Direito a Ser Canhoto - Manuel Coelho dos Santos

O Disco de Jade/Os Cavalos Celestes - José Frèches

O Nome da Rosa - Umberto Eco

O Principezinho - Antoine de Saint-Exupéry

O Zen na Arte de Conduzir a Espada - Reinhard Kammer

Olhos Azuis - Jermos Charyn

Sandworms of Dune - Brian Herbert, Kevin J. Anderson

Selected Tales - Edgar Allan Poe

Spirits of the Dead: Tales and Poems - Edgar Allan Poe

The Children of Húrin - J. R. R. Tolkien

The Last Kingdom - Bernard Cornwell

Um Estranho num Terra Estranha - Robert A. Heinlein

Young Samurai: The Way of the Warrior - Chirs Bradford

Zen e a Arte do Tiro com Arco - Eugen Herriger

17 de junho de 2008
Canetas
Esta é mais uma das minhas pancadas. Canetas de tinta permanente. Tenho umas quantas, mas esta é a caneta dos meus sonhos (se não fosse o preço já cá cantava), será que conseguem descobrir porque gosto tanto dela?



A ouvir: Cradle of Filth - Nymphetamine
Uma solitariedade de Requiem
25 solitariedades alheias:

Joaninha disse...

Parece uma espada de samurai.
É bem bonita.

17 de junho de 2008 às 12:15
Requiem disse...

A Joaninha tem olho para a coisa! ;)

É a caneta mais bonita que eu conheço.

O meu aniversário é dia 11 de Março para os potenciais interessados...

17 de junho de 2008 às 12:17
Abobrinha disse...

De facto parece uma espada de samurai... SAAAAAAAAAAAAAAAAANGUE!!!

Vais-me dar essa caneta no dia 11 de Março? Que simpático! Não havia necessidade.

Eu a dada altura também tinha uma panca por canetas de tinta permanente. Depois descobri que a minha letra fica infinitesimalmente menos horrorosa quando escrita em esferográfica de bico fino e deixei-me de merdas.

Mas é linda.

17 de junho de 2008 às 12:20
Requiem disse...

Sim Abobrinha...mas não esperes de pé. Se calhar é melhor nem sequer esperares sentada.

17 de junho de 2008 às 12:23
Djinn disse...

Olha essa é boa...por acaso tenho várias porque normalmente é uma caneta que uso com frequência!! Só não uso quando se acaba a tinta :(

17 de junho de 2008 às 12:29
Abobrinha disse...

Esperar por o quê? Ah! Pela caneta! Não ligues: eu sou como os peixinhos de aquário, que não se lembram de nada, pelo que cada volta ao aquário parece a primeira.

17 de junho de 2008 às 12:30
Requiem disse...

Djinn: Tens várias destas? Sortuda :P :P :P :P

Abobrinha: Pois...e aposto que és loirinha, não és?

17 de junho de 2008 às 12:32
Sadeek disse...

Deixa-me adivinhar....por causa da côr?! AHAHAHAHAH

Abraço

17 de junho de 2008 às 13:50
lalisca.cs-life disse...

Linda, muito bom gosto!!

beijinhos para ti!!

17 de junho de 2008 às 14:20
Requiem disse...

Sadeek: Por acaso prefiro esta cor do que as outras disponiveis, mas aceito qualquer uma. HE HE HE HE

17 de junho de 2008 às 14:21
Requiem disse...

Lalisca: Por acaso tambem acho. :)

17 de junho de 2008 às 14:21
Joaninha disse...

A joaninha tem olho para tudo o que seja acessório. Agora para o fundamental...;)

É muito cara, a caneta?

17 de junho de 2008 às 14:37
Requiem disse...

Joaninha: Eu estava a brincar acerca de me oferecerem a caneta, mas muito obrigado na mesma ;)

Sim, é um bocadinho (quer dizer, depende da profundidade dos bolsos de cada um), dependendo do modelo qualquer coisa como 600 € a 1000 €.

17 de junho de 2008 às 14:45
Tinta Permanente disse...

Que peça linda. Bom gosto !
Parabéns pelo blogue: acolhedor, quente e exótico.

Com amizade,
Tinta

17 de junho de 2008 às 16:00
Requiem disse...

Tina: Obrigado pelo elogio, tanto à caneta (se pesquisares consegues encontrar outros modelos) como ao estaminé (podes pesquisar à vontade que não há mais modelos).

A gerência faz os possiveis por agradar.

17 de junho de 2008 às 16:05
Joaninha disse...

Requiem,

Não penses que estava a pensar em oferecer-te a caneta, não era para ti, era para outra pessoa, versada no belo e no sublime e que gosta muito de canetas. O meu Pai ;)

Mas olha se tivesse assim dinheiro a rodos oferecia, juro que oferecia. Como sou um pindérica sem um tusto fica a intenção :)

17 de junho de 2008 às 17:46
Requiem disse...

Olha, tenho certeza que ele iria adorar, infelizmente há o factor preço...

17 de junho de 2008 às 17:55
sessaoexperimental disse...

deixa ver...pq escreve?...ehehheh

Abração

17 de junho de 2008 às 18:56
Requiem disse...

Sessao: Garanto-te que se tivesse uma destas pensava duas vezes antes de a usar para escrever.

17 de junho de 2008 às 18:57
Abobrinha disse...

Requiem

Loura? Bem, se fizeres a média aos cabelos brancos e aos castanhos, é capaz de dar qualquer coisa alourada. Se me chamas velha enfio-te um murro nas trombas. E ficas a saber que sou da tua idade e que os cabelos brancos me dão charme.

18 de junho de 2008 às 00:29
Requiem disse...

Charme, claro que sim ***coff coff, bullshit, coff coff***

E a expressão "enfio-te um murro nas trombas" o charme que tem. É de classe.

18 de junho de 2008 às 00:35
Abobrinha disse...

Requiem

E é de classe! Classe tipo pessoal das obras, carago!

18 de junho de 2008 às 00:39
Abobrinha disse...

Estás com tosse? É de fumar!

18 de junho de 2008 às 00:39
Requiem disse...

***wondering...se eu a ignorar será que ela se cala?*** :D :D :D :D

18 de junho de 2008 às 00:41
Abobrinha disse...

Nope! MAs daqui a bocado vou dormir e calo-me. Entretanto vim arreliar-te, só porque me apeteceu e porque sou um doce de pessoa.

18 de junho de 2008 às 00:47
Enviar um comentário

Mensagem mais recente
Mensagem antiga
Página inicial
Subscrever: Enviar comentários (Atom)