Quem sou eu?
A minha fotografia
Requiem

Pessimista e negativo por natureza, cheio de energia e sempre stressado ou a correr de um lado para o outro. Tenho tendencia a tentar fazer tudo o que me interessa, o que me leva a deixar muitas coisas a meio. Apaixonado pelo Japao e tudo o que com ele esta relacionado.

Ver o meu perfil completo
Etiquetas
Avulso (232)
Blogs (53)
Google (12)
Leituras (28)
MP3 (38)
Parvoeiras (307)
Pensamentos (122)
Refilanços (139)
Solitariedades passadas
Free Twitter buttons from languageisavirus.com


Stalkers

A ler
A ler
Na lista de espera
A Arte da Guerra - Sun Tzu

A Conspiração - Dan Brown

A Fórmula de Deus - José Rodrigues dos Santos

A Rapariga que Inventou um Sonho - Haruki Murakami

A Senhora das Especiarias - Chitra Beneju Divakaruni

A Vida de Pi - Yann Martel

Eclipse - Stephenie Meyer

Fernão Mendes Pinto no Japão - Wenceslau de Moraes

Geisha - Liza Dalby

Kimono - Liza Dalby

O Culto do Chá - Wenceslau de Moraes

O Código D'Avintes - Vários Autores

O Direito a Ser Canhoto - Manuel Coelho dos Santos

O Disco de Jade/Os Cavalos Celestes - José Frèches

O Nome da Rosa - Umberto Eco

O Principezinho - Antoine de Saint-Exupéry

O Zen na Arte de Conduzir a Espada - Reinhard Kammer

Olhos Azuis - Jermos Charyn

Sandworms of Dune - Brian Herbert, Kevin J. Anderson

Selected Tales - Edgar Allan Poe

Spirits of the Dead: Tales and Poems - Edgar Allan Poe

The Children of Húrin - J. R. R. Tolkien

The Last Kingdom - Bernard Cornwell

Um Estranho num Terra Estranha - Robert A. Heinlein

Young Samurai: The Way of the Warrior - Chirs Bradford

Zen e a Arte do Tiro com Arco - Eugen Herriger

9 de junho de 2008
Confissões - II
Por causa do post anterior lembrei-me de uma cena (e digo cena não por estar a usar calão, mas porque parecia mesmo algo saído de uma comédia qualquer) que por não ter mais nada que fazer e gostar do achincalhamento público vou partilhar.

Cenário: Escritório, eu, sentado na última ilha do open space, virado para a parede (como tal não via o resto do escritório).

Pela terceira ou quarta vez toca o telemovel de um colega (que deveria estar a mandar o que tecnicamente é chamado "a cagada mais longa"). A música era o refrão de "Rock This Party" do Bob Sinclair (se não estão a ver qual é eu meti aqui em baixo)



Cansado com o facto de ser obrigado consecutivamente atormentado por tal coisa deu-me a travadinha (é assim que o meu médico lhe chama, para ser delicado) e decido apalhaçar. Levanto-me, e começo a dançar (é verdade, juro!!!!). Eis senão quando me viro para o resto da malta do escritório e digo algo como "toda a gente agora!!!".

Pois...como é que eu hei-de dizer isto agora. Duas ilhas atrás estava um colega meu sentado com ar de pânico. Sentada ao lado estava uma cliente com um ar que não consegui perceber se era de espanto ou não, pois subtilmente baixei os braços, dei meia volta e fingi que não tinha acontecido nada.

Moral da história: Quando fizerem merda no escritório, façam-na em grande!!!!

A ouvir: System of a Down - Lonely Day
Uma solitariedade de Requiem
Etiquetas:
12 solitariedades alheias:

vita disse...

looool..é mesmo assim..para ser que seja como deve ser..;)

9 de junho de 2008 às 17:04
Requiem disse...

Exactamente. Já que vou meter a para na poça, pelo menos que meta como deve ser!

9 de junho de 2008 às 18:16
Bombocaa disse...

eheheh
ai eu dava mt pr ter visto isso
:)

9 de junho de 2008 às 18:20
Requiem disse...

Eu é mais ao contrário. Dava muito para não ter visto....

9 de junho de 2008 às 18:23
crissy disse...

Bom - pagava para ver - eu sou tonta da cabeça mas não conseguia ser tão expontanea!!!! Beijoca e bom feriado!

9 de junho de 2008 às 18:33
Requiem disse...

Crissy: Obrigado pelo modo delicado como me chamaste "tonto da cabeça". Foi bonito.

9 de junho de 2008 às 18:34
Moi disse...

Ups!!!!....aí jesus que barracada:) eh eh eh

Não te preocupes...já fiz varias do genero e um pouco ainda piores;)

9 de junho de 2008 às 18:51
Requiem disse...

Moi: Agora vais ter de te chibar...DESAFIO-TE!

9 de junho de 2008 às 18:53
Cristina disse...

Hahahahah... imagino a figurinha!! Como é possível eu perder estas coisas?! COMO??

11 de junho de 2008 às 12:56
Requiem disse...

Cristina: É fácil...não trabalhas aqui. Se trabalhasses assistias a esta e a muitas mais.

11 de junho de 2008 às 12:59
Statler & Waldorf disse...

Volta.
No andar de cima sempre terias companhia para "Bob Sinclair Three Step Dancing Lesson"!!!! Superava a coreografia ao estilo Shakira!
:D

11 de junho de 2008 às 15:08
Requiem disse...

Statler & Waldorf: Aqui no segundo estamos bem. Temos espaço para fazer um baile e tudo! É pena é ser uma festa da mangueira! :P :P :P

11 de junho de 2008 às 15:09
Enviar um comentário

Mensagem mais recente
Mensagem antiga
Página inicial
Subscrever: Enviar comentários (Atom)