Quem sou eu?
A minha fotografia
Requiem

Pessimista e negativo por natureza, cheio de energia e sempre stressado ou a correr de um lado para o outro. Tenho tendencia a tentar fazer tudo o que me interessa, o que me leva a deixar muitas coisas a meio. Apaixonado pelo Japao e tudo o que com ele esta relacionado.

Ver o meu perfil completo
Etiquetas
Avulso (232)
Blogs (53)
Google (12)
Leituras (28)
MP3 (38)
Parvoeiras (307)
Pensamentos (122)
Refilanços (139)
Solitariedades passadas
Free Twitter buttons from languageisavirus.com


Stalkers

A ler
A ler
Na lista de espera
A Arte da Guerra - Sun Tzu

A Conspiração - Dan Brown

A Fórmula de Deus - José Rodrigues dos Santos

A Rapariga que Inventou um Sonho - Haruki Murakami

A Senhora das Especiarias - Chitra Beneju Divakaruni

A Vida de Pi - Yann Martel

Eclipse - Stephenie Meyer

Fernão Mendes Pinto no Japão - Wenceslau de Moraes

Geisha - Liza Dalby

Kimono - Liza Dalby

O Culto do Chá - Wenceslau de Moraes

O Código D'Avintes - Vários Autores

O Direito a Ser Canhoto - Manuel Coelho dos Santos

O Disco de Jade/Os Cavalos Celestes - José Frèches

O Nome da Rosa - Umberto Eco

O Principezinho - Antoine de Saint-Exupéry

O Zen na Arte de Conduzir a Espada - Reinhard Kammer

Olhos Azuis - Jermos Charyn

Sandworms of Dune - Brian Herbert, Kevin J. Anderson

Selected Tales - Edgar Allan Poe

Spirits of the Dead: Tales and Poems - Edgar Allan Poe

The Children of Húrin - J. R. R. Tolkien

The Last Kingdom - Bernard Cornwell

Um Estranho num Terra Estranha - Robert A. Heinlein

Young Samurai: The Way of the Warrior - Chirs Bradford

Zen e a Arte do Tiro com Arco - Eugen Herriger

29 de agosto de 2008
Mata bicho
Isto de trabalhar em sítios finos (leia-se Chiado) faz-me perder algum contacto com a realidade de Portugal.

Ora bem, hoje matei saudades de uma das nossas grandes tradições...o mata-bicho!!!

Pouco passava das 9 da manhã e os senhores já estavam a dar no Favaios, mesmo ali ao meu lado e pelo cheiro não era o primeiro.

Terminam e segue-se o seguinte diálogo:

1: Vou andando que tenho de ir trabalhar.
2: Não bebes mais um?
1: Se tu beberes...
2: Claro que bebo.
1: Dê-me lá mais 2. Fresquinhos. Que é para abrir o apetite para o almoço...que hoje temos cozido à portuguesa.

Se isto foi assim ao pequeno almoço imagino ao almoço, ainda por cima com cozido...

PS: Esqueci-me de dizer que a senhora da cafetaria onde se passaram estes dois últimos posts ainda me cravou um cigarro quando me estava a pirar!
Uma solitariedade de Requiem
Etiquetas:
21 solitariedades alheias:

L.M disse...

Isso é companheirismo!!! hahahaha

29 de agosto de 2008 às 10:29
Requiem disse...

Eu também achei...temos de ser uns para os outros. :)

29 de agosto de 2008 às 10:36
Djinn disse...

E tás com sorte....eu já vi isso às 7:30 da matina logo para aquecer de manhã :P

Cravou-te um cigarro? E tu deste? Grrrrr...quer dizer qd tento cravar-te um n me dás!!!! Mas q gd samaritano!! :P:P:P

29 de agosto de 2008 às 10:36
Requiem disse...

Eu não sei desde que horas eles lá estavam :P :P :P :P

Cravou...e eu dei...tava tão chateado de ouvir a história da vida dela que lhe dei um cigarro, mas foi de vingança... :P :P :P

29 de agosto de 2008 às 10:38
Noiva Judia disse...

E ao menos fez-te um desconto no pequeno-almoço, já que te cravou o cigarro?

29 de agosto de 2008 às 11:27
Requiem disse...

Tendo em conta que o meu pequeno almoço é um café...não havia grande desconto a fazer...mas olha que teria sido simpático.

29 de agosto de 2008 às 11:29
aoutrarua@gmail.com disse...

Eh pá, eu já apanhei um homem sentado ao meu lado no balcão, 7.30 da madrugada, a beber o café "com cheirinho"... Tinha um exame e só com o cheiro fui para lá quase com os copos! eheh

29 de agosto de 2008 às 11:33
Requiem disse...

E aposto que o exame até correu bem! ;)

Eu e o meu grande amigo J é que fazíamos dessas...antes dos exames marchava sempre uma Tuborg (pelo menos). :)

29 de agosto de 2008 às 11:37
kitty disse...

Sábado passado de manhã quando fui beber café, já estava uma senhora toda bem apresentada, nos seus 50, a beber um martini. E bebeu-o enquanto eu bebi um cafÉ!

29 de agosto de 2008 às 12:24
Requiem disse...

E tu sabes lá se a senhora ainda não estaria a curtir a continuação da night? :P :P :P :P

29 de agosto de 2008 às 12:26
oxenbury disse...

até me fica a doer o estomago com a salganhada q p aqui vai

29 de agosto de 2008 às 12:38
Requiem disse...

Há gente muito fracota!!!! :P

29 de agosto de 2008 às 12:39
vita disse...

De manha é que começa o dia.;)

Beijoooooooo

29 de agosto de 2008 às 12:46
sessaoexperimental disse...

ahahahahah.....podes crer amigo....favaios ao pequeno almoço?...baaaaaaaahhhhh........o que aconteceu ao belo da são domingos....o verdadeiro bagaço Tuga?.....já não se fazem homens como antigamente :D

29 de agosto de 2008 às 12:46
oxenbury disse...

muito muito!
só águinha q EU mereço

29 de agosto de 2008 às 12:46
Requiem disse...

Vita: Ah pois é...excepto para certos atletas olimpicos... :P

Sessao: A tradição já não é o que era... ;)

Oxenbury: Aguinha...é para meninos!!! :P

29 de agosto de 2008 às 13:03
oxenbury disse...

e para meninas tb!

29 de agosto de 2008 às 13:11
mik@ disse...

olha o descaramento da mulher... ts ts ts

29 de agosto de 2008 às 13:54
Requiem disse...

Oh pá...para ela se calar eu até lhe dava o maço todo! :P

29 de agosto de 2008 às 14:00
Abobrinha disse...

Se estavas a tentar matar a mulher, com uma paulada era capaz de ser mais rápido! COm o cigarro demora de carago, por isso espero que sejas um homem paciente. E depois, mesmo com o cigarro na boca não a consegues calar muito tempo!

29 de agosto de 2008 às 14:10
Requiem disse...

Não era preciso ser por mito tempo, apenas o suficiente para eu me pirar de lá!!!

29 de agosto de 2008 às 14:15
Enviar um comentário

Mensagem mais recente
Mensagem antiga
Página inicial
Subscrever: Enviar comentários (Atom)