Quem sou eu?
A minha fotografia
Requiem

Pessimista e negativo por natureza, cheio de energia e sempre stressado ou a correr de um lado para o outro. Tenho tendencia a tentar fazer tudo o que me interessa, o que me leva a deixar muitas coisas a meio. Apaixonado pelo Japao e tudo o que com ele esta relacionado.

Ver o meu perfil completo
Etiquetas
Avulso (232)
Blogs (53)
Google (12)
Leituras (28)
MP3 (38)
Parvoeiras (307)
Pensamentos (122)
Refilanços (139)
Solitariedades passadas
Free Twitter buttons from languageisavirus.com


Stalkers

A ler
A ler
Na lista de espera
A Arte da Guerra - Sun Tzu

A Conspiração - Dan Brown

A Fórmula de Deus - José Rodrigues dos Santos

A Rapariga que Inventou um Sonho - Haruki Murakami

A Senhora das Especiarias - Chitra Beneju Divakaruni

A Vida de Pi - Yann Martel

Eclipse - Stephenie Meyer

Fernão Mendes Pinto no Japão - Wenceslau de Moraes

Geisha - Liza Dalby

Kimono - Liza Dalby

O Culto do Chá - Wenceslau de Moraes

O Código D'Avintes - Vários Autores

O Direito a Ser Canhoto - Manuel Coelho dos Santos

O Disco de Jade/Os Cavalos Celestes - José Frèches

O Nome da Rosa - Umberto Eco

O Principezinho - Antoine de Saint-Exupéry

O Zen na Arte de Conduzir a Espada - Reinhard Kammer

Olhos Azuis - Jermos Charyn

Sandworms of Dune - Brian Herbert, Kevin J. Anderson

Selected Tales - Edgar Allan Poe

Spirits of the Dead: Tales and Poems - Edgar Allan Poe

The Children of Húrin - J. R. R. Tolkien

The Last Kingdom - Bernard Cornwell

Um Estranho num Terra Estranha - Robert A. Heinlein

Young Samurai: The Way of the Warrior - Chirs Bradford

Zen e a Arte do Tiro com Arco - Eugen Herriger

8 de agosto de 2008
Porque posso...
No que para mim é um excelente exemplo do "porque posso" o nosso Presidente decidiu interditar durante o mês de Agosto o espaço aéreo na zona da sua casa de férias no Algarve.

É seu direito sem dúvida, mas é igualmente a primeira vez que tal direito é exercido.

A pergunta que faço é porquê? Medo de atentados? Da última vez que verifiquei não é coisa que ocorra muito regularmente cá no burgo, mas posso estar errado.

É que já dei uma série de voltas ao neurónio e não consigo arranjar um motivo suficientemente bom para que tal decisão tenha sido tomada.

Alguem tem alguma ideia?
Uma solitariedade de Requiem
Etiquetas:
10 solitariedades alheias:

Abobrinha disse...

Não consigo lembrar-me de nada, mas isso pode ser por estar a precisar de ir ao cabeleireiro (é quando leio as revistas cor de rosa). Ocorre-me que haja realmente mirones e que o incomodem (e o Cavaco Silva é um homem discreto).

Lembro-me de ler há muitos anos uma reportagem dessas revistas do Mário Soares na praia e achei um disparate. Pode ser para evitar isso.

Não sei se o Cavaco justificou pelo gabinete de imprensa, mas se não o fez deveria ter feito. Se o fez e isso não foi noticiado (mas só o gesto estranho), também gostava de saber porquê.

8 de agosto de 2008 às 18:26
vita disse...

Opah o homem deve querer fazer nudismo na piscina, e assustava a nação se o vissemos de pilau a dar a dar.;P

beijoooooooo

8 de agosto de 2008 às 22:10
NI disse...

Mania das grandezas.

Ja quando era primeiro-ministro bateu o record em n de qgentes de seguranca.

Desculpem os erros ortograficos mas estes teclados arabes sao do pior.

Beijos

9 de agosto de 2008 às 10:23
Requiem disse...

Abobrinha: Vai lá cortar então o cabelo e depois quando voltares se tiveres novidades avisa.

Vita: KANOJO!!!!!

NI: Deixa lá o teclado e vai mas é passear! :)

9 de agosto de 2008 às 16:13
Cristina disse...

Estupidez pode ser uma hipótese?

10 de agosto de 2008 às 01:42
Abobrinha disse...

Na volta quer ouvir Doors em altos berros e não incomodar os vizinhos! Foi uma hipótese que me ocorreu assim de repente e que não tem NADA que ver com o meu último post. Mas assim mesmo nada!

10 de agosto de 2008 às 08:59
Requiem disse...

Cristina: Eu pessoalmente acho que sim, mas posso estar errado.

Abobrinha: Se calhar julgavas que era só eu com o padre? Aguenta!

10 de agosto de 2008 às 13:07
Abobrinha disse...

Ouve, o que tu andas a fazer com o padre é entre ti e ele e eu não quero saber (vou fingir que não me lembro do post em questão).

Pensei bem e não é grave: os vizinhos até são porreiritos e não fazem isto com frequência (embora não seja a primeira vez). Além de fazerem isto raras vezes, já vi atitudes 50 000 vezes piores de vizinhança.

10 de agosto de 2008 às 20:49
sessaoexperimental disse...

pah....foi para livrar os banhistas daquela praga dos aviões com mensagens publicitarias.....ah grande cavaco...eheheh!

10 de agosto de 2008 às 21:46
Djinn disse...

Requiem: Ja te sugeri como acabar com a barulheira :P:P
Tens o ângulo perfeito de tua casa para tiro ao alvo ao maldito altifalante!!
É só teres pontaria!!
ahhhhhhh :P:P:P

11 de agosto de 2008 às 10:57
Enviar um comentário

Mensagem mais recente
Mensagem antiga
Página inicial
Subscrever: Enviar comentários (Atom)