Quem sou eu?
A minha fotografia
Requiem

Pessimista e negativo por natureza, cheio de energia e sempre stressado ou a correr de um lado para o outro. Tenho tendencia a tentar fazer tudo o que me interessa, o que me leva a deixar muitas coisas a meio. Apaixonado pelo Japao e tudo o que com ele esta relacionado.

Ver o meu perfil completo
Etiquetas
Avulso (232)
Blogs (53)
Google (12)
Leituras (28)
MP3 (38)
Parvoeiras (307)
Pensamentos (122)
Refilanços (139)
Solitariedades passadas
Free Twitter buttons from languageisavirus.com


Stalkers

A ler
A ler
Na lista de espera
A Arte da Guerra - Sun Tzu

A Conspiração - Dan Brown

A Fórmula de Deus - José Rodrigues dos Santos

A Rapariga que Inventou um Sonho - Haruki Murakami

A Senhora das Especiarias - Chitra Beneju Divakaruni

A Vida de Pi - Yann Martel

Eclipse - Stephenie Meyer

Fernão Mendes Pinto no Japão - Wenceslau de Moraes

Geisha - Liza Dalby

Kimono - Liza Dalby

O Culto do Chá - Wenceslau de Moraes

O Código D'Avintes - Vários Autores

O Direito a Ser Canhoto - Manuel Coelho dos Santos

O Disco de Jade/Os Cavalos Celestes - José Frèches

O Nome da Rosa - Umberto Eco

O Principezinho - Antoine de Saint-Exupéry

O Zen na Arte de Conduzir a Espada - Reinhard Kammer

Olhos Azuis - Jermos Charyn

Sandworms of Dune - Brian Herbert, Kevin J. Anderson

Selected Tales - Edgar Allan Poe

Spirits of the Dead: Tales and Poems - Edgar Allan Poe

The Children of Húrin - J. R. R. Tolkien

The Last Kingdom - Bernard Cornwell

Um Estranho num Terra Estranha - Robert A. Heinlein

Young Samurai: The Way of the Warrior - Chirs Bradford

Zen e a Arte do Tiro com Arco - Eugen Herriger

20 de novembro de 2008
Avó
Hoje a minha avó faz 80 anos...por isso não podia deixar de marcar o dia.

Hoje não a vou ver, mas já lhe liguei. Agora no Domingo é que vai ser festa de arromba!!! :) :) :)

Visita também o meu outro estaminé.
Uma solitariedade de Requiem
Etiquetas:
22 solitariedades alheias:

aoutrarua@gmail.com disse...

:-) Parabéns à avozinha então :-)

20 de novembro de 2008 às 18:29
Requiem disse...

Obrigado...

20 de novembro de 2008 às 18:30
mik@ disse...

beijo pra tua avó :)

20 de novembro de 2008 às 18:37
Requiem disse...

No Domingo dou sim senhora...

20 de novembro de 2008 às 18:38
Restelo disse...

AWESOME!!
Parabéns a ela!

20 de novembro de 2008 às 19:58
vita disse...

Parabém à avó por aturar um neto como tu.;P

Beijo

20 de novembro de 2008 às 22:18
Requiem disse...

Restelo: Awesome mesmo!!!

Vita: E olha que tendo em conta que foi praticamente ela que me criou aturou mesmo muito...

20 de novembro de 2008 às 22:44
sessaoexperimental disse...

80 anos é uma grande marca...parabéns
à avó e ao neto!!

abração amigo ;)

20 de novembro de 2008 às 23:32
NI disse...

Também eu fui criada pela minha avó até aos seis anos, altura em que ela morreu. Aproveita, pois, a companhia dela.

Beijos

21 de novembro de 2008 às 09:21
najla disse...

Pelo dia que a tua avó fez anos, deve ser uma excelente pessoa...lol
Parabéns à avó! Aproveita a companhia dela....merece!

21 de novembro de 2008 às 09:34
Requiem disse...

Obrigado a todos... :)

21 de novembro de 2008 às 09:51
pinxexa disse...

80 beijocas bem docinhas para a tua vóvó e um para o netito também!

:-)

21 de novembro de 2008 às 09:56
Requiem disse...

Obrigado :)

21 de novembro de 2008 às 10:01
Djinn disse...

Usufrui do privilégio de ainda teres uma avó e de toda a sabedoria e carinho que dela podes receber...:)

21 de novembro de 2008 às 10:28
Requiem disse...

É graças à minha avó que eu conheço as doenças todas que existem!!! :P :P :P :P

21 de novembro de 2008 às 10:32
Sadeek disse...

Parabéns à avó, pá!!! E, visto não saber como comentar o post anterior, deixa-me dizer-te que acho que deves ter muito orgulho no que vês ao espelho porque és um gajo à maneira...

É claro que nunca vais ser lindo de morrer como eu mesmo mas isso são as contingências da vida e vais ter de saber viver com isso...AHAHAHAHAHAHAHAHA

ABRAÇOOOOOOOOOOOOOOOO

21 de novembro de 2008 às 10:47
Djinn disse...

Requiem: É graças à tua avó que andas cá neste mundo com a cabeça entre as orelhas :P:P:P

21 de novembro de 2008 às 12:58
Requiem disse...

Tambem é verdade.

E segundo ela, é graças a mim que ela cá anda. É que pouco depois de eu nascer ela teve uma trombose e diz que eu fui o motivo para ela recuperar.

É tanga, mas é querido da parte dela... :)

21 de novembro de 2008 às 13:01
Tinta Permanente disse...

Parabéns à vóvó e boa festa! Estima-a muito!
E já agora, quanto ao post anterior, não acredites nos espelhos! São tramados e fazem-nos perder tempo! Beijinho.

21 de novembro de 2008 às 15:18
Djinn disse...

Como vês alguém gosta de ti o suficiente para querer viver, para te poder ver crescer...

Pode ser tanga...mas é amor de avó!

21 de novembro de 2008 às 15:18
Requiem disse...

Djinn, sim, mas parece que já se arrependeu :P :P :P :P

21 de novembro de 2008 às 15:19
Djinn disse...

Não sejas assim :P:P:P que mau feitio :P:P:P Arrependeu nada!

21 de novembro de 2008 às 16:29
Enviar um comentário

Mensagem mais recente
Mensagem antiga
Página inicial
Subscrever: Enviar comentários (Atom)