Quem sou eu?
A minha fotografia
Requiem

Pessimista e negativo por natureza, cheio de energia e sempre stressado ou a correr de um lado para o outro. Tenho tendencia a tentar fazer tudo o que me interessa, o que me leva a deixar muitas coisas a meio. Apaixonado pelo Japao e tudo o que com ele esta relacionado.

Ver o meu perfil completo
Etiquetas
Avulso (232)
Blogs (53)
Google (12)
Leituras (28)
MP3 (38)
Parvoeiras (307)
Pensamentos (122)
Refilanços (139)
Solitariedades passadas
Free Twitter buttons from languageisavirus.com


Stalkers

A ler
A ler
Na lista de espera
A Arte da Guerra - Sun Tzu

A Conspiração - Dan Brown

A Fórmula de Deus - José Rodrigues dos Santos

A Rapariga que Inventou um Sonho - Haruki Murakami

A Senhora das Especiarias - Chitra Beneju Divakaruni

A Vida de Pi - Yann Martel

Eclipse - Stephenie Meyer

Fernão Mendes Pinto no Japão - Wenceslau de Moraes

Geisha - Liza Dalby

Kimono - Liza Dalby

O Culto do Chá - Wenceslau de Moraes

O Código D'Avintes - Vários Autores

O Direito a Ser Canhoto - Manuel Coelho dos Santos

O Disco de Jade/Os Cavalos Celestes - José Frèches

O Nome da Rosa - Umberto Eco

O Principezinho - Antoine de Saint-Exupéry

O Zen na Arte de Conduzir a Espada - Reinhard Kammer

Olhos Azuis - Jermos Charyn

Sandworms of Dune - Brian Herbert, Kevin J. Anderson

Selected Tales - Edgar Allan Poe

Spirits of the Dead: Tales and Poems - Edgar Allan Poe

The Children of Húrin - J. R. R. Tolkien

The Last Kingdom - Bernard Cornwell

Um Estranho num Terra Estranha - Robert A. Heinlein

Young Samurai: The Way of the Warrior - Chirs Bradford

Zen e a Arte do Tiro com Arco - Eugen Herriger

15 de dezembro de 2008
ARGHHHH
Assim de repente acabei de me aperceber que tenho pouco mais de uma semana para fazer a porra das compras de Natal...

A ouvir: Iron Maiden - The Trooper

Visita também o meu outro estaminé.
Uma solitariedade de Requiem
Etiquetas:
22 solitariedades alheias:

PAULO LONTRO disse...

Vais adorar as filas das compras, as mães aos berros com os filhos e os maridos atrás das mulheres a chorar com o dinheiro a sair da carteira. É tão lindo o espírito de Natal... o altruísmo e generosidade no acto de dar e o receber...

15 de dezembro de 2008 às 15:56
Requiem disse...

Acho que vou, mas vou de machado na mão!!!!

15 de dezembro de 2008 às 16:07
Abobrinha disse...

Inova: não compres nada para ninguém! Na noite de Natal diz que te converteste ao espírito de Natal e que distribuirás só amor verdadeiro, solidariedade (teórica, claro!) e muitos beijinhos. Que o amor que tens para dar não tem preço.

Vais ver como toda a gente apreciará. Isso ou perguntam-te pela tua espada para praticar um bocadinho. Mas se te pedirem para pôr a cabeça no cepo, diz que não. À cautela...

15 de dezembro de 2008 às 16:23
Requiem disse...

Deixa lá isso...na ultima vez que tentei essa aproximação a coisa não correu lá muito bem.

15 de dezembro de 2008 às 16:24
Abobrinha disse...

Vais ver que à terceira é de vez! E sim, eu reparei que esta seria a segunda!

15 de dezembro de 2008 às 16:25
Requiem disse...

Eu prefiro não arriscar.

É que não foi mesmo nada bonito...

15 de dezembro de 2008 às 16:26
Abobrinha disse...

Estou a ver de onde vem o trama!

Suponho que correr tudo a meias esteja fora de questão, não?

15 de dezembro de 2008 às 16:30
Requiem disse...

Não, não estás...

Mas as meias...nunca se sabe...

15 de dezembro de 2008 às 16:34
Abobrinha disse...

Cooooooooooooooooooonta!!!

15 de dezembro de 2008 às 16:37
Requiem disse...

Deixa lá isso...

15 de dezembro de 2008 às 16:40
Cor do Sol disse...

Eu já comprei a do afilhado e foi filha única. Este ano decidimos que não há prendas entre os adultos, porque normalmente é umador de cabeça para decidir o que comprar para cada um e muitas vezes é algo que nem vamos utilizar e que arrumamos para o lado. Para além de a a vida estar dificil :P...eu adorei a ideia.

15 de dezembro de 2008 às 18:42
M disse...

Nem me fales, que eu ainda não comprei nada para ninguém...

16 de dezembro de 2008 às 11:31
Sadeek disse...

É assim meu menino...arranja uma gaja que tas faça.... ;)

Quem sabe sabe...AHAHHA

16 de dezembro de 2008 às 11:45
Requiem disse...

Cor: Olha que bom para ti... :P :P :P

M: Queres fazer as minhas já que tás com a mão na massa? :)

Sadeek: Tu estás lá... :)

16 de dezembro de 2008 às 12:56
M disse...

Olha-me este... A seguir os conselhos do Sadeek não? Vais ter ovo.... :P

16 de dezembro de 2008 às 14:20
Requiem disse...

Vou ter ovo????

Feldrix...não sei o que é isso, mas não me parece que seja coisa boa :P

16 de dezembro de 2008 às 14:23
M disse...

Vais ter ovo = vais ter sorte, vais... (ironia nas entrelinhas :P)

16 de dezembro de 2008 às 14:26
Requiem disse...

Eu logo vi que seria algo assim.... :P

16 de dezembro de 2008 às 14:27
M disse...

fazemos uma negociata e vamos os 2... e aí percebes as vantagens de ir sozinho muahahahah

16 de dezembro de 2008 às 14:29
Requiem disse...

DEAL! ;)

16 de dezembro de 2008 às 14:30
.: Moisés™ :. disse...

mas... como é que podes estar a falar sobre uma coisa destas... se NÃO GOSTAS DO NATAL?!? :S fazes como eu... não compras nada para ninguém... pronto... :P

24 de dezembro de 2008 às 17:51
Requiem disse...

Se fosse assim tão linear era uma beleza!!!

26 de dezembro de 2008 às 16:17
Enviar um comentário

Mensagem mais recente
Mensagem antiga
Página inicial
Subscrever: Enviar comentários (Atom)