Quem sou eu?
A minha fotografia
Requiem

Pessimista e negativo por natureza, cheio de energia e sempre stressado ou a correr de um lado para o outro. Tenho tendencia a tentar fazer tudo o que me interessa, o que me leva a deixar muitas coisas a meio. Apaixonado pelo Japao e tudo o que com ele esta relacionado.

Ver o meu perfil completo
Etiquetas
Avulso (232)
Blogs (53)
Google (12)
Leituras (28)
MP3 (38)
Parvoeiras (307)
Pensamentos (122)
Refilanços (139)
Solitariedades passadas
Free Twitter buttons from languageisavirus.com


Stalkers

A ler
A ler
Na lista de espera
A Arte da Guerra - Sun Tzu

A Conspiração - Dan Brown

A Fórmula de Deus - José Rodrigues dos Santos

A Rapariga que Inventou um Sonho - Haruki Murakami

A Senhora das Especiarias - Chitra Beneju Divakaruni

A Vida de Pi - Yann Martel

Eclipse - Stephenie Meyer

Fernão Mendes Pinto no Japão - Wenceslau de Moraes

Geisha - Liza Dalby

Kimono - Liza Dalby

O Culto do Chá - Wenceslau de Moraes

O Código D'Avintes - Vários Autores

O Direito a Ser Canhoto - Manuel Coelho dos Santos

O Disco de Jade/Os Cavalos Celestes - José Frèches

O Nome da Rosa - Umberto Eco

O Principezinho - Antoine de Saint-Exupéry

O Zen na Arte de Conduzir a Espada - Reinhard Kammer

Olhos Azuis - Jermos Charyn

Sandworms of Dune - Brian Herbert, Kevin J. Anderson

Selected Tales - Edgar Allan Poe

Spirits of the Dead: Tales and Poems - Edgar Allan Poe

The Children of Húrin - J. R. R. Tolkien

The Last Kingdom - Bernard Cornwell

Um Estranho num Terra Estranha - Robert A. Heinlein

Young Samurai: The Way of the Warrior - Chirs Bradford

Zen e a Arte do Tiro com Arco - Eugen Herriger

30 de junho de 2008
Elevadores
Eu acredito que há pessoas que gostam de me irritar. Ou isso ou estão com uma neura tão grande que querem fazer mal ao mundo.

Um desses casos são as pessoas que carregam nos dois botões dos elevadores. Para cima e para baixo. Aqui posso apresentar vários cenários.

1 - São indecisos, não sabes bem se querem subir ou se querem descer.
2 - Estão com raiva de terem de esperar pelo elevador e decidem lixar os gajos que já lá estão.
3 - São completamente estúpidos e por motivos que desconheço pensam que assim o elevador vem mais depressa.

Mas o que me tira do sério mesmo é quando abre a porta, eles espreitam lá para dentro e perguntam: "vai descer?". Qualquer diz respondo "oh meu atrasado mental, se carregaste no botão para descer é provável que sim! Se carregaste nos dois, ainda és mais estúpido, de qualquer modo o elevador vai seguir no sentido do botão cuja luz se apagou!"
Uma solitariedade de Requiem
14 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Aumentos
Meus amigos, isto da crise chega mesmo a todo o lado.

Ouvi hoje ao almoço na televisão que as missas vão ter um aumento de 33%.

Eu pessoalmente já estava à espera, afinal com estes aumentos todos nos preços dos combustíveis era só uma questão de tempo. É que a brincar, a brincar, ainda sai caro para o espírito santo vir cá abaixo todos os domingos.
Uma solitariedade de Requiem
7 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Google - apanhei mais um
Cada tiro, cada melro!

Apanhei aqui um que pesquisou no Google por "reportagem tvi 28/07/2008"!

Assim de repente, e não quero estar a ser mauzinho, parecia-me melhor ter ido directamente ao site da TVI. Ou então falar com o professor Karamba!

Mas o meu amigo achava que neste blog sabiamos o que vai dar na TVI daqui a um mês?
Uma solitariedade de Requiem
6 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
29 de junho de 2008
Gestos
Correndo o risco de ser lamechas e arruinar a minha reputação mais "dark" quero aproveitar aqui o meu pódio para dizer que certas pessoas tocam-nos com certos gestos.

Não sei se será coisa das mulheres mais velhas, mas a par da Djinn que me continua a surpreender todos os dias (não sei como consegue aturar-me depois de tantos coices) a NI ganhou recentemente um lugarzinho especial no meu coraçao (gelado) com uma atitude que me surpreendeu.

A mulher não me conhece de lado nenhum, nunca me viu mais gordo (tambem era dificil, com estes 58kg) mas só porque cancelaram a minha reserva no hotel onde ia ficar para a janta blogueira, ela mudou tambem, por solidariedade. Confesso que fiquei...sem palavras.

Um beijo NI.

(PS: Não estou com os copos)
Uma solitariedade de Requiem
49 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Pensamento do Dia
Finance is the art of passing money from hand to hand until it finally disappears.

Robert W. Sarnoff
Uma solitariedade de Requiem
3 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Hoje é o meu dia...
Hoje como é dia de S. Pedro a comunidade aqui do bairro (hoje é feriado aqui,apesar de ser Domingo) achou que eu mercia ser despertado com banda filarmónica e tudo.

Eu ainda lhes disse: "oh amigos, Pedro sou, mas devem-me ter confundido com outro".

Mas pronto, já começo a estar habituado a acordar cedo ao Domingo.

Pergunta: Em Monte Real tambem há missa ao Domingo de manhã? É que se há e a igreja for ao lado do hotel eu já não vou ao jantar! :P
Uma solitariedade de Requiem
20 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
28 de junho de 2008
Viva o lucro
Ora queria aproveitar este espaço e este momento para agradecer aos senhores que gostam mesmo é do lucro.

Tinha reservado quarto num estabelecimento em Monte Real (não vou revelar o nome, OK, vou, era o Hotel Flora) e hoje soube que decidiram cancelar a reserva pois iam receber um grupo maior e aparentemente precisavam do quarto.

Ah e tal, por mim tudo bem, deixe lá, eu nem tinha ideia de dormir muito, posso sempre ficar no carro. Até falta uma semanita e tudo, dá bem tempo para arranjar outra coisa, eu percebo...

CAMBADA DE CHUPISTAS!

NI: Se leres isto, vê lá não tenham cancelado a tua reserva tambem...eu se fosse a ti ligava para lá a confirmar.
Uma solitariedade de Requiem
22 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Hoje...
Hoje deixo as janelas fechadas e fico por aqui, no escuro.

Porquê? Porque me apetece! Nem sequer estou deprimido, mas apetece-me.

(As parvoeiras seguem dentro de momentos)
Uma solitariedade de Requiem
14 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
27 de junho de 2008
Gatos e Banho
Não, eu não gosto de gatos...sou um gajo dos cães.


But You Said You Loved Me!

You will pay, as God is my witness, you will pay.

Wow, you call this water warm???

I don't think I like you anymore.

You SUCK!!!!!!

E.T. phone home......quick!

No, I'm not your Good Little Kitty anymore.

Traction....I'm losing Traction!

I want my Mommmmmmyyyyyyyyyyyyyy!

No, no, no, no.....NOOOO!!!!
Uma solitariedade de Requiem
15 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
26 de junho de 2008
Piadas de Café
O que é que um gajo pode responder quando ouve a típica piada de café?

No meu caso hoje foi:

Eu: Era um café, se faz favor.
Empregado: Era? Já não é?
Eu (em pensamento): É para ir praticar sexo anal, se faz favor.
Uma solitariedade de Requiem
18 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
25 de junho de 2008
Google
Mais um post na saga sobre a malta que aqui chega vinda do Google.

Ponto 1: Quem é que pesquisa no google por "bater com martel na cabeca"

Ponto 2: Mas que raio é que o Google encontrou aqui relacionado com isso?

Será que o Google já vai ao nível psicológico e achou que quem lê isto só lhe apetece dar marteladas na tola?

Vou investigar...
Uma solitariedade de Requiem
7 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Mães...
Esta mandou-me uma amiga minha. Não tenho por hábito meter aqui coisas assim a atirar para o "fofinho", mas fartei-me de rir com esta...

Caminhava com a minha filha de 4 anos, quando ela apanhou qualquer coisa do chão e ia pôr na boca.

Ralhei com ela e disse-lhe para nunca fazer isso.

-Mas porquê? - perguntou ela.

Respondi que se estava no chão estava sujo e cheio de microbios. Nesse momento, a minha filha olhou-me com admiração e perguntou:

- Mamã, como sabes tudo isso? És tão inteligente...

Rapidamente refleti, e respondi-lhe:

- Todas as mamãs sabem estas coisas. Quando alguem quer ser mamã, tem que fazer um teste e tem que saber todas estas coisas, se não não pode ser mamã. Caminhámos em silêncio cerca de 2, 3 minutos. Vi que ela pensava ainda sobre o assunto, e de repente disse:

- Ah, já percebi. Se não passasses o teste, tu eras o papá.

Exactamente, respondi com um grande sorriso na boca.
Uma solitariedade de Requiem
24 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Jantarada Blogueira
Copiando a ideia da NI, faço tambem um bocadinho de publicidade...

Continua no blogue da Cristina as inscrições para o jantar do dia 05 de Julho.


Para quem quiser aqui ficam as informações:

Dia: 5 de Julho

Local: Ortigosa (a cerca de 10 km de Leiria)

Restaurante: O David - 12,5€ com tudo incluído: entradas, sopa (para quem quiser), prato, bebidas, sobremesa e café. É comer e beber até cair para o lado... (pelo menos é o que Cristina diz).

Noite: A Cristina está a preparar um programa que, tudo indica, vai ficar na história. (diz-se até que vai haver Karaoke, o que com a minha voz linda para escrever à máquina não é bom sinal)


Para quem necessitar de ficar a dormir (se é que vamos ter tempo), aqui vão alguns contactos:

* Motel S. Jorge;

* Hotel Ibis;

* Hotel Flora;

* Pensão Primavera
Uma solitariedade de Requiem
11 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas: ,
Nunca Pensei
Nunca pensei que vir passar uma manhã ao escritório pudesse saber tão bem.

É o que dá estar todo o dia isolado do mundo.

Infelizmente é só uma manhã, daqui a nada volto para a bolha de isolamento.
Uma solitariedade de Requiem
3 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
24 de junho de 2008
Cargos
No cliente onde estou tenho uma base de dados com a qual estou a trabalhar.

Lembrei-me de vos trazer alguns dos melhores exemplares encontrados no campo onde as pessoas devem escrever o cargo que desempenham (basicamente é a profissão para os mais distraídos).

  • Oficial de talho (Oficial? Mas o talho agora tem militares?)
  • Oficial cortador carnes verdes (Carnes verdes? São aquelas que já estão no talho há demasiado tempo?)
  • agente de metodos e tempos (E acho que tambem há um agente de tempos e medidas)
  • AMBALHADORA (Eu juro que não consegui perceber o que é que a senhora faz)
  • auxiliar do chefe (Não somos todos?)
  • brunideira (Quê? Bruni-quê?)
  • COLOBRADORE (Eu acho que era para ser colaborador, do quê não sei, talvez da ambalhadora)
  • Comunicadora call center (Vulgo, telefonista!)
  • DAMA DE COMPANIA (Esta senhora ainda vive no século XVIII ou então é outro tipo de companhia)
  • em vias de trabalho conta própria (Eu tambem estou em vias de ser chefe)
  • gaspiadeira (Deve ser uma coisa parecida com brunideira)
  • Oficial Cabeleireiro e Maquilhagem / Formador (Vulgo, Gay que corta cabelos)
  • Operador com menos de 5 anos (Coitadinho, ainda mal anda...digam não ao trabalho infantil)
  • operario altamente qualificado (Este é cá dos meus, só faltou acrescentar "e mal pago")
  • PATRÃO -SERRALHARIA (Para quê estar com meias medidas? É patrão e basta)
  • Promotora/Hospedeira/Modelo (E nas horas vagas ainda faz umas coisitas)
  • quadrista (Faz quadros? Isso não era um pintor?)
  • sucateriu (Pois...coitado)
  • tecnica senior capilar (Vulgo, cabeleireira velha)
  • Técnico de Chaves e fechaduras (Serralheiro????)
  • Transformação artística (Vulgo, transformista, travesti)
  • TRATADOR DE AVES (Este toma conta das frangas de certeza)
  • veleira (Faz velas? Ou é a femea do veleiro?)
Uma solitariedade de Requiem
17 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Musica de Elevador
Agora que estou num cliente com o escritorio no 8º andar e tenho de andar de elevador cada vez que me apetece um cigarrito reavivou-se a minha alergia a musica de elevador.

Cada vez que entro e me assaltam os ouvidos as belas das pan pipes ou afins até me crescem pelos nas unhas!

Eu não sei qual é o objectivo da musica, mas eu sou sincero, prefiro o belo do silencio constrangedor e acenos de cabeça cada vez que entra alguem.

Agora pan pipes? Poupem-me por favor. Se não fosse no 8º andar descia e subia a pé, podem ter certeza!
Uma solitariedade de Requiem
22 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
23 de junho de 2008
Magreza
Era para escrever um outro post, mas não estou com o nível de inspiração necessário, por isso deixo-vos com um pensamento.

Quando é que sabemos que estamos magros demais?

Quando não conseguimos accionar o sensor das escadas rolantes e subimos a passo de caracol porque aquilo não sai do modo de poupanço de energia.

Juro que aconteceu, duas vezes hoje num centrol comercial!
Uma solitariedade de Requiem
30 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Leituras - VIII

O Império do Medo é uma história de vampiros totalmente diferente de todas as histórias vampirescas que li até hoje (e asseguro que foram bastantes).

Partindo de premissas não habituais conta-nos uma versão da história mundial muito alternativa.

Neste livro os vampiros não têem problemas com o sol nem se escondem dos humanos, antes pelo contrário, toda a aristocracia é constituida por vampiros.

Mas, e se o sobrenatural pudesse ser explicado não pela magia mas pela ciencia? Que aconteceria quando os homens comuns, levados a isso pela evolução natural, conseguissem ter métodos cientificos não só para explicar mas tambem para reproduzir o vampirismo?

Que dominio passariam os vampiros a ter? Ou neste caso deixar de ter?

A resposta, segundo a opinião do autor, está neste livro...

E mesmo para quem não gosta de vampiros, substituam vampirismo por outra caracteristica "sobrenatural" que tenha permitido a uma classe subjugar outra e leiam na mesma.
Uma solitariedade de Requiem
7 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
22 de junho de 2008
666
Faz amanhã 6 meses que terminou algo com 6 anos.

Não sei onde anda o terceiro 6, mas há alturas em que me sinto uma besta, por isso deve andar por aí...
Uma solitariedade de Requiem
20 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Tarde Piaste
Ora não é que os senhores da PT ligaram cá para casa?

O que queriam? Dizer que afinal "havia possibilidade" de deixar de pagar a assinatura mensal do telefone.

Porque ligaram? Porque o menino aderiu à promoção da Zon e transferiu o número.

Querem um conselho. Mudem. PT nunca mais, foi preciso dizer-lhes adeus para me dizerem que afinal não precisava ter andado a pagar assinatura estes anos todos.
Uma solitariedade de Requiem
15 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Piscas
Ontem apercebi-me que em certas pessoas deveriam ser instalados piscas, como nos carros (não sei se seriam usados ou não, mas isso já é outra questão).

Há pessoas com as quais eu não tenho problema em esbarrar num corredor de centro comercial ou mesmo na rua, antes pelo contrário, pode ser o inicio de uma bela amizade, mas lá que é aborrecido ir muito bem e de repente a pessoa da frente decide fazer uma curva de 90º sem sequer avisar nem olhar, isso é. E muitas vezes ainda levo com o olhar do tipo "mas tu não vês por onde andas?"

Ou será que sou eu que ando demasiado irritadiço?
Uma solitariedade de Requiem
18 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Tolerancia Religiosa
Eu começo finalmente a perceber certas pessoas e a sua intolerâcia.

Eu até sou um moço pacifico e tolerante, mas algo me diz que isso está para acabar brevemente.

Então não é que o padre (ou lá quem tomas as decisões) da igreja aqui do bairro (que por infelicidade fica mesmo aqui ao lado) decidiu que era boa ideia transmitir a misa de domingo em directo através de colunas no lado de fora da igreja?

Eu normalmente tenho um sono de pedra e não tenho ligado, mas como ando numa fase de insonias confesso que não tem piada nenhuma ser acordado pela missa ao domingo de manhã.

Acho que é desta que vou ao armário buscar a caçadeira que era do meu avô...
Uma solitariedade de Requiem
17 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
19 de junho de 2008
Caladinho
Este blog vai estar mais caladinho durante 10 dias (uteis) pois estou num cliente que nem me dá acesso à internet (mauzinho).

Por isso só vou poder passar por cá à noite.

Até breve.
Uma solitariedade de Requiem
14 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
18 de junho de 2008
Mrs Rebecca Williams
Acabei de receber isto no mail...estou meio indeciso se hei-de acreditar ou não...é que ainda é uma maquia valente...

Está decidido...Welcome to the church of Requiem!!!!!

ATTN:
DEAREST ONE OF GOD

I am the above named person from Kuwait . I am married to Mr Benson Williams, who worked with Kuwait embassy in Ivory Coast for nine years before he died in the year 2004. We were married for eleven years without a child. He died after a brief illness that lasted for only four days.

Before his death we were both born again Christian. Since his death I decided not to remarry or get a child outside my matrimonial home which the Bible is against. When my late husband was alive he deposited the sum of $2. 5 Million (Two Million Five Hundred U.S. Dollars) in the bank here in Abidjan in suspense account.

Presently, the fund is still with the bank. Recently, my Doctor told me that i have serious sickness which is cancer problem. The one that disturbs me most is my stroke sickness. Having known my condition I decided to donate this fund to a church or individual that will utilize this money the way I am going to instruct herein. I want a church that will use this fund for orphanages, widows, propagating the word of God and to endeavour that the house of God is maintained.

The Bible made us to understand that blessed is the hand that giveth. I took this decision because I don't have any child that will inherit this money and my husband relatives are not Christians and I don't want my husband's efforts to be used by unbelievers. I don't want a situation where this money will be used in an ungodly way. This is why I am taking this decision. I am not afraid of death hence i know where I am going. I know that I am going to be in the bosom of the Lord. Exodus 14 VS 14 says that the Lord will fight my case and I shall hold my peace.

I don't need any telephone communication in this regard because of my health hence the presence of my husband's relatives is around me always I don't want them to know about this development. With God all things are possible. As soon as I receive your reply I shall give you the contact of the bank here in Abidjan . I want you and the church to always pray for me because the Lord is my shepherd. My happiness is that I lived a life of a worthy Christian. Whoever that wants to serve the Lord must serve him in spirit and Truth. Please always be prayerful all through your life.

Contact me on the above e-mail address for more information, any delay in your reply will give me room in sourcing another church or individual for this same purpose. Please assure me that you will act accordingly as I Stated herein. Hoping to receive your
reply.

Remain blessed in the Lord.
Yours in Christ,
Mrs Rebecca Williams.
Uma solitariedade de Requiem
17 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Piriquitex
Será que certas mulheres acham que o look "piriquitex" é sexy? Eu pessoalmente não aprecio o "risco ao meio", mas de vez em quando passa cada uma por mim que até mete impressão, parece que puxou as calças até aos ouvidos.

E para quem não sabe o que é o Piriquitex...tá aqui:

Uma solitariedade de Requiem
62 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Manteiga
Depois da alface vem a manteiga. E eu começo a achar que tenho uma fixação qualquer com os produtos "daquela marca".

O anuncio de rádio de hoje dizia que têem um produto que absorve o equivalente a um pacote de manteiga de gordura por dia.

E pergunto eu o costume...mas quem é que come um pacote de manteiga por dia? É que se comem se calhar a coisa não vai lá com produtos para perder peso.

Eu juro que este foi o ultimo post sobre "aquela marca"!!!!
Uma solitariedade de Requiem
30 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
17 de junho de 2008
Quem me manda falar?
Eu e a minha incontinência verbal!

Aqui há dias falei dela, da menina que nos trazia chocolates.

Hoje soube que se vai embora. O meu nível de glicose agradece, mas eu vou sentir muito a falta dos chocolates...errrr...quer dizer, dela.

A ouvir: Therion - A Suburb to Hell
Uma solitariedade de Requiem
44 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Alfaces
Aquela marca de produtos para fazer aquilo que aparentemente meio Portugal está a tentar fazer não deixa de me surpreender.

Desculpem estar a ser tão enigmático, mas se eu falo do produto deixo de receber 30 visitas por dia de pessoas à procura dele e passo a receber umas 60. De qualquer modo, para quem não está a perceber nada, estou a referir-me a isto.

Ora essa marca lançou agora uma publicidade em que dizem que 2 cápsulas lá de um produto deles equivalem a 5 alfaces. Tendo em conta que é para tomar 2 cápsulas a cada refeição, eu pergunto: Mas quem é que quer comer 10 alfaces por dia? Isso não fará mal à tripa? Eu cá se comesse 10 alfaces por dia acho que começava a fazer gri-gri. Será que não conseguiram mesmo arranjar uma publicidadezinha melhor?

Ou se calhar eles é que estão certos, porque aparentemente resulta. Eu não me calo com isto e a malta continua a procurar no Google...hmmmm...dá que pensar.

PS: Se você chegou aqui à procura do tal produto...está a procurar no sítio errado oh badocha!!!! Se tivesse cuidadinho com o que andou a comer durante o resto do ano não andava agora à rasca!

A ouvir: Ozzy Osbourne - I Don't Want To Change The world
Uma solitariedade de Requiem
25 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Rapto
Acabadinho de ver na TVI durante o almoço.

Parece que um moço italiano raptou a ex-namorada para depois a obrigar a cozinhar, lavar e passar a roupa.

Parece-me que este moço ganha o prémio de originalidade...ou então se calhar não, cá em Portugal acho que a isto se chama casamento, não é?

A ouvir: Mercyful fate - A Corpse Without Soul
Uma solitariedade de Requiem
34 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Canetas
Esta é mais uma das minhas pancadas. Canetas de tinta permanente. Tenho umas quantas, mas esta é a caneta dos meus sonhos (se não fosse o preço já cá cantava), será que conseguem descobrir porque gosto tanto dela?



A ouvir: Cradle of Filth - Nymphetamine
Uma solitariedade de Requiem
25 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Medo!
Começo a ficar com algum receio quando começo a ter visitantes provenientes de Washington.

Hmmm, aquele post sobre o Bush era brincadeirinha, tá?

Eu gosto do senhor!!!!

E agora vou ali abrir a porta que estão a tocar uns senhores de fato preto e óculos escuros...

A ouvir: Black Sabbath - War Pigs
Uma solitariedade de Requiem
6 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Hoje
Hoje o menino não está muito bem disposto.

Para começar ontem esqueci-me do livro que estou a ler no escritório, por isso nada de leitura no comboio, nem ontem, nem hoje de manhã.

Depois passei uma hora na Worten para conseguir ser atendido e finalmente comprar o PC para os meus pais.

Depois quando me fui deitar não reparei que a persiana estava aberta e as cortinhas abertas, resultado, hoje às 6 e tal da manhã acordei com o sol nas trombas.

Portanto a ver se as coisas começam a correr um bocadinho melhor...

A ouvir: Dream Theater - The Mirror
Uma solitariedade de Requiem
14 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
16 de junho de 2008
Blogs do Sapo
Os blogs do sapo chateiam-me. E porque é que me chateiam? Porque quando deixamos um comentário não nos dão a opção de receber um mail quando há mais comentários.

Ou se calhar sou eu que estou mais irritadiço hoje por ser segunda feira, não haver feriados para breve e me doer o corpinho todo.

A ouvir: King Diamond - Broken Glass
Uma solitariedade de Requiem
13 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Lone Wolf & Cub (子連れ狼)
Acabei finalmente este fim de semana o último volume desta série de Manga.

Num total de 28 volumes (o que dá qualquer coisa como 9000 páginas) conta-se a história de Ogami Ittō (拝 一刀) o "carrasco" do Shogun (Kogi Kaishakunin), durante 4 anos, desde que cai em desgraça por falsas acusações do Clan Yagyu até à sua vingança.

Com textos de Kazuo Koike e desenho de Goseki Kojima é uma obra extremamente bem investigada e cuja acção decorre no Japão (parece-me óbvio) na época do Shogunato de Tokugawa, tendo já dado origem a uma série de TV e vários filmes que, infelizmente, nunca chegaram a estes lados.

Se gostam de BD e do Japão não podem deixar de lado esta colecção que apesar de se revelar um pouco pesada (principalmente no bolso) devido à sua dimensão é ao mesmo tempo um retrato fabuloso daquela época no país do sol nascente.

A ouvir: Candlemass - At The Gallows End
Uma solitariedade de Requiem
0 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Delicadeza Feminina
Conversa acabadinha de sair do forno (ou como a minha colega C consegue ser delicada).

C: Vocês têem é de deixar de fumar.
Eu: Quer dizer, eu não me casei para não ter uma gaja a dizer-me para deixar de fumar e agora vens tu?
C: Oh, isso não é desculpa, há muitas mulheres que fumam.

Obrigado C pela demonstração de como é possível delicadamente dizeres que ninguem me pega.

Obviamente que agora vou ter de te fazer a vida num inferno...

A ouvir: Old Man's Child - Lord of Command (Bringer of Hate)
Uma solitariedade de Requiem
15 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Fotos do Estágio
A bela da foto de grupo, estilo escola primária.




A ouvir: Joe Satriani - House Full of Bullets
Uma solitariedade de Requiem
15 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Lavar o carro
Como é que eu sei que está na altura de lavar o carro?

Quando páro numa passadeira para deixar passar alguem e afinal era só uma mancha no vidro!

OK, estou a exagerar (mas só um bocadinho), mas o meu carro cinzento está em tons de castanho...acho que o vou lavar no próximo fim de semana.

A ouvir: David Fonseca - My Sunshine And My Rain
Uma solitariedade de Requiem
6 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Somos o que comemos?
Apanhado num email recebido durante o fim de semana:

If we are what we eat then I'm fast, cheap, and easy.


Eu concordo plenamente...

A ouvir: Aerosmith - Amazing
Uma solitariedade de Requiem
0 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Estágio de Iaido
Hoje tive de me arrastar para fora da cama e até ao escritório de tão moído que estou.

Quem disser que "quem corre por gosto não cansa" leva logo uma bordoada!!!

Foram 2 dias e meio, das 9:30 às 17:30, de treino intensivo, mas aprendi muito, muito mesmo.

Tive o previlégio de ter 1 dia inteiro focado apenas em Koryu, tendo aprendido todas as 12 Kata do primeiro nível!!!! (Sim, sei que para a grande maioria estou a falar chinês, mas pronto). E elas são:
  1. Shohatto (Shohatsuto)
  2. Sato (Hidarito)
  3. Uto (Migito)
  4. Atarito (Ushiro)
  5. Inyoshintai (Yaegaki)
  6. Ryuto (Ukenagashi)
  7. Junto (Kaishaku)
  8. Gyakuto (Tsukekomi, Oikiri)
  9. Seichuto (Tsukikage)
  10. Koranto (Oikaze)
  11. Gyakute Inyoshintai (Inyoshintai kaewaza, Hizakakoi)
  12. Batto (Nukiuchi)
Portanto hoje vai ser dia de fazer tudo muito devagarinho......

A ouvir: Green Day - Boulevard of Broken Dreams
Uma solitariedade de Requiem
23 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
12 de junho de 2008
Se isto continua assim acabam-se as pilas
Acabei de ler no Publico que a maior cerâmica das Caldas da Rainha vai encerrar no fim do mês.

Não me parece nada bem, se isto continuar deixa de haver pilas! E aqueles frades do cordelinho! Não está certo! Onde estão os apoios do governo? Afinal de contas é produto tradicionalmente Português! Tempos havia em que exportávamos pilas para tudo o que é lado.

Não gostaria de ver nos jornais de todo o mundo as noticias "Portugueses com défice de pila", "Pilas portuguesas em extinção", "Pila Portuguesa não se aguenta".

É escandaloso!

A ouvir: Evanescence - Your Star
Uma solitariedade de Requiem
8 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Fim de Semana
Desengane-se quem pensava que o menino ia passar o fim de semana a recuperar das borgas de Santo António.

Como disse a Djinn o fim de semana vai ser de estágio. Regressam a Portugal os Senseis Chris Mansfield e Hubert Schmitz para mais um estágio nacional.

Começa já amanhã de manhã e prolonga-se até Domingo ao almoço. Algo me diz que Domingo à tarde vai ser para deitar no sofá a beber minis, comer tremoços e ver o jogo, sem capacidade de mexer mais.

Segunda feira se não escrever nada é porque fiquei em estado vegetativo.

A ouvir: Nick Cave & The Bad Seeds - Henry Lee
Uma solitariedade de Requiem
0 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas: ,
Toca a acabar com o bloqueio
Parou! Acabou!

Não haver gasolina, ou alimentos nos supermercados tudo bem, eu até aceito.

Agora chegar ali ao Ben & Jerry's e não haver o meu sabor favorito por causa do bloqueio é que não! Tudo o que é demais enjoa!

A ouvir: Bruce Dickinson - King in Crimson
Uma solitariedade de Requiem
7 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Jantarada
Pessoal, a Cristina disse que ia organizar uma jantarada para "a mitragem do costume".

Portanto se se consideram membros da mitragem do costume passem lá pelo estaminé dela e deixem um contacto para ela ficar a saber quem está interessado.

Ainda não sei mais detalhes, falem com ela que ela explica! :) :) :)

A ouvir: Sevendust - Hope
Uma solitariedade de Requiem
8 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas: ,
Herois da 3ª Idade
Aparentemente a 3ª idade chega tambem aos herois de banda desenhada...(podem clickar nas imagens para ver em maior)






A ouvir: Ten Thousand Fists - Overburdened
Uma solitariedade de Requiem
5 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Já tenho bilhete!
28/07/2008: Lisboa --> Amsterdam
03/08/2008: Amsterdam --> Lisboa

Summer Seminar, here I go!!!!

E já tenho a lista da comitiva Japonesa:

- Ishido Shizufumi, iaido 8-Dan hanshi, jodo 8-Dan kyoshi
- Kishimoto Chihiro: iaido 8-dan hanshi, jodo 7-dan kyoshi
- Kiyota Kuniaki: iaido 8-dan kyoshi
- Yoshimura Kenichi: iaido 8-dan kyoshi, jodo 7-dan kyoshi
- Shoji Keiichi: 7-dan kyoshi in jodo and iaido
- Ms Hatakenaka Atsumi: iaido 7-dan kyoshi
- Karakama Mitsuo: iaido 6-dan renshi, jodo 5-dan
- Ms Nagata Yoko: iaido 5-dan, jodo 3-dan

Duas palavras: BRU-TAL!

Estou a contar os dias...

A ouvir: Opeth - The Funeral Portrait
Uma solitariedade de Requiem
6 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
I'm in love!!!!
Estou apaixonado!

Sobre ela pouco sei, o nome e pouco mais. Não sei de que cor são os olhos, não sei quais são os seus gostos, não sei sequer se é comprometida. Sinceramente, nem a acho muito atraente.

Mas a empresa dela partilha o piso com a minha e ela volta e meia traz chocolates para nós!

Sou tão fácil!!!!!

A ouvir: Ministry - Flashback
Uma solitariedade de Requiem
42 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Vais comprar o quê?
Ouvido ontem no comboio, por uma menina:

Tenho de ir comprar um bekini.


E eu não percebi bem, alguma das meninas que por aqui passa me explica o que é um bekini? Será alguma coisa nova ou apenas mais um atropelamento da língua portuguesa?

A ouvir: Joe Satriani - Just Like Lightnin'
Uma solitariedade de Requiem
27 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Confissões - III
Hoje de manhã depois do banho esqueci-me de por desodorizante e perfume (é a PDI) e apesar de saber que estou limpinho e asseadinho não consigo sentir-me bem.

Ao almoço vou assaltar os testers da loja de perfumes!

A ouvir: Joe Satriani - Summer Song
Uma solitariedade de Requiem
6 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
11 de junho de 2008
Outro Recadinho
Senhores comentadores da TVI, por favor não digam que o jogo está dominado quando ainda faltam mais de 10 minutos para acabar.

Agoirentos!!! Valeu a defesa do Ricardo.

(Eu nem acredito que estou para aqui a fazer posts sobre o jogo)

A ouvir: Continuo a ver o jogo
Uma solitariedade de Requiem
3 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Recadinho
Cristiano, faz-me um favorzito.

Quando fores marcar um livre, olha um bocadinho mais para a baliza e um bocadinho menos para o ecran gigante.

Obrigado.

A ouvir: O relato...na TV
Uma solitariedade de Requiem
4 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Oh Sr. Olímpico!
Segundo a Lusa, "mais de 4.000 chineses receberam dos pais o nome próprio de "Olímpico", segundo um recenseamento divulgado pela polícia e hoje citado nos órgãos de comunicação social da China."

Já estou a imaginar a moda a pegar cá em Portugal e termos o Sr. Expomóvel, a Srª Feira do Chocolate e a Menina Arraial de S. João!

A ouvir: Venom - Burn This Place To The Ground
Uma solitariedade de Requiem
6 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Obrigado
Obrigado pelo bom tempo.
Obrigado pelo sol.
Obrigado pelo calor.
Obrigado pelos tops e pelos decotes.
Obrigado por trabalhar no Chiado.
Obrigado por ter hora e meia de almoço.

Obrigado por fazeres as mulheres tão bonitas!

A ouvir: Joe Satriani - Ceremony
Uma solitariedade de Requiem
11 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Calções
Finalmente parece que veio o bom tempo.

Este fim de semana/feriado até vesti calções e tudo. Foi lindo.

Só não percebi a parte das pessoas que passavam, olhavam para as minhas pernas, davam-me uma moedinha e diziam: "coitadinho, vá lá comer qualquer coisita".

Mas pronto, não percebi mas sempre juntei uns trocos.

A ouvir: Warlock - After the Bomb
Uma solitariedade de Requiem
14 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Cambada de Parvos
Faz-me confusão esta corrida às bombas de gasolina mal se fala em "possibilidade de problemas no abastecimento".

Este tipo de palavras mágicas deve ter a capacidade de fazer despertar em muita gente o mais egoista e egocêntrico que tenham. É que desatam logo a correr para as bombas para atestar os carritos e quem sabe (por via das dúvidas) encher uns contentorezitos.

Para-lhes o cérebro com toda a certeza. É que apenas contribuem para que a situação entre numa espiral que termina sem dúvida numa falta real de combustivel provocada por uma situação não real. Uma bomba que tenha combustivel suficiente para suprir as necessidades normais durante uma semana por exemplo irá ficar sem essa reserva num instante quando quem normalmente abastecia 30€ passa a abastecer 60€. Depois vem o arrasto da "onda secundária", aqueles que vão abastecer (e acabam por atestar) porque realmente começa a haver falta em alguns sitios.

Faz-me confusão, pronto. Se tivessemos todos mantido o mesmo comportamente não seria possível que não houvesse agora bombas sem gasolina? São situações como esta que me fazem lembrar a eficácia dos "impérios do medo" e a força da contra informação.

A ouvir: Pain - Breathe
Uma solitariedade de Requiem
3 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Aviso
Caros chefes, colegas e clientes.

Hoje por volta das 17h é capaz de me dar qualquer coisinha má e ter de me ausentar durante certa de 90 minutos.

Se precisarem de alguma coisa é favor dirigirem os vossos pedidos ali àquela parede (que com toda a certeza vos responderá melhor do que eu).

A ouvir: Ministry - The Land of Rape and Honey
Uma solitariedade de Requiem
0 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Pensamento do Dia - IV
Inspirado pelo pensamento da NI, lembrei-me de algo que um amigo me dizia constantemente há algum tempo atrás.

Não há mulheres frígidas, o que há são más línguas.


A ouvir: Manowar - The March
Uma solitariedade de Requiem
4 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas: ,
Feriado
Um feriado sabe sempre bem, mas desculpem lá se me recusar a comemorar uma data de raizes fascistas.

A ouvir: Mercyful Fate - Curse of the Pharaohs
Uma solitariedade de Requiem
2 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
9 de junho de 2008
Confissões - II
Por causa do post anterior lembrei-me de uma cena (e digo cena não por estar a usar calão, mas porque parecia mesmo algo saído de uma comédia qualquer) que por não ter mais nada que fazer e gostar do achincalhamento público vou partilhar.

Cenário: Escritório, eu, sentado na última ilha do open space, virado para a parede (como tal não via o resto do escritório).

Pela terceira ou quarta vez toca o telemovel de um colega (que deveria estar a mandar o que tecnicamente é chamado "a cagada mais longa"). A música era o refrão de "Rock This Party" do Bob Sinclair (se não estão a ver qual é eu meti aqui em baixo)



Cansado com o facto de ser obrigado consecutivamente atormentado por tal coisa deu-me a travadinha (é assim que o meu médico lhe chama, para ser delicado) e decido apalhaçar. Levanto-me, e começo a dançar (é verdade, juro!!!!). Eis senão quando me viro para o resto da malta do escritório e digo algo como "toda a gente agora!!!".

Pois...como é que eu hei-de dizer isto agora. Duas ilhas atrás estava um colega meu sentado com ar de pânico. Sentada ao lado estava uma cliente com um ar que não consegui perceber se era de espanto ou não, pois subtilmente baixei os braços, dei meia volta e fingi que não tinha acontecido nada.

Moral da história: Quando fizerem merda no escritório, façam-na em grande!!!!

A ouvir: System of a Down - Lonely Day
Uma solitariedade de Requiem
12 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
200 + 5000
Como não me apetece fazer mais nada vou fazer uma festarola!

Está tudo convidado. Vamos comemorar 200 posts (isto deve ser uma incontinência verbal qualquer) e 5000 visitas (obrigado Emagril).

Tudo a botar as cuecas na cabeça subir para cima da mesa e abanar o nalguedo como se não houvesse amanhã!!!!!

A ouvir: Theatre of Tragedy - Poppaea
Uma solitariedade de Requiem
5 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Procriar
A minha querida P, conhecida por ter desenhado a cara nova aqui do meu estaminé, voltou a surpreender toda a gente na Sexta.

Jantar da malta da empresa (mas não daqueles jantares chatos de obrigação) e ela decidiu mostrar qual seria o resultado do "acasalamento" de todos nós com uma estrela de Hollywood.

Este foi o resultado. Uma Thurman, é quando tu quiseres mulher!!!!

+=

A ouvir: Ozzy Osbourne - Bloodbath in Paradise
Uma solitariedade de Requiem
16 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Educação 1978/2008
Sendo uma das 7 pessoas que está a "trabalhar" (entre aspas porque hoje vai ser cá uma trabalheira que nem vos conto) hoje, segunda feira, tinha que começar a aparvejar (esta palavra existe?) logo de manhã:

Disciplina escolar - Antes e Agora

Situação: O Pedro está a pensar ir até ao monte depois das aulas, assim que entra no colégio mostra uma navalha ao João, com a qual espera poder fazer uma fisga.
Ano 1978: O director da escola vê, pergunta-lhe onde se vendem, mostra-lhe a sua, que é mais antiga, mas que também é boa.
Ano 2008: A escola é encerrada, chamam a Polícia Judiciária e levam o Pedro para um reformatório. A SIC e a TVI apresentam os telejornais desde a porta da escola.

Situação: O Carlos e o Quim trocam uns socos no fim das aulas.
Ano 1978: Os companheiros animam a luta, o Carlos ganha. Dão as mãos e acabam por ir juntos jogar matrecos.
Ano 2008: A escola é encerrada. A SIC proclama o mês anti-violência escolar, O Jornal de Notícias faz uma capa inteira dedicada ao tema, e a TVI insiste em colocar a Moura-Guedes à porta da escola a apresentar o telejornal, mesmo debaixo de chuva.

Situação: O Jaime não pára quieto nas aulas, interrompe e incomoda os colegas.
Ano 1978: Mandam o Jaime ir falar com o Director, e este dá-lhe uma bronca de todo o tamanho. O Jaime volta à aula, senta-se em silêncio e não interrompe mais.
Ano 2008: Administram ao Jaime umas valentes doses de Ritalin. O Jaime parece um zombie. A escola recebe um apoio financeiro por terem um aluno incapacitado.

Situação: O Luis parte o vidro dum carro do bairro dele. O pai caça dum cinto e espeta-lhe umas no traseiro.
Ano 1978: O Luis tem mais cuidado da próxima vez. Cresce normalmente, vai à universidade e converte-se num homem de negócios bem sucedido.
Ano 2008: Prendem o pai do Luís por maus tratos a menores. Sem a figura paterna, o Luís junta-se a um gang de rua. Os psicólogos convencem a irmã que o pai abusava dela e metem-no na cadeia para sempre. A mãe do Luís começa a namorar com o psicólogo. O programa da Fátima Lopes mantém durante meses o caso em estudo, bem como o Você na TV do Manuel Luís Goucha.

Situação: O Zézinho cai enquanto praticava atletismo, arranha um joelho. A sua professora Maria encontra-o sentado na berma da pista a chorar. Maria abraça-o para o consolar.
Ano 1978: Passado pouco tempo, o Zézinho sente-se melhor e continua a correr.
Ano 2008: A Maria é acusada de perversão de menores e vai para o desemprego. Confronta-se com 3 anos de prisão. O Zézinho passa 5 anos de terapia em terapia. Os seus pais processam a escola por negligência e a Maria por trauma emocional, ganhando ambos os processos. Maria, no desemprego e cheia de dívidas suicida-se atirando-se de um prédio. Ao aterrar, cai em cima de um carro, mas antes ainda parte com o corpo uma varanda. O dono do carro e do apartamento processam os familiares da Maria por destruição de propriedade. Ganham. A SIC e a TVI produzem um filme baseado neste caso.

Situação: Um menino branco e um menino negro andam à batatada por o primeiro ter chamado 'chocolate' ao outro.
Ano 1978: Depois de uns socos esquivos, levantam-se e cada um para sua casa. Amanhã são colegas.
Ano 2008: A TVI envia os seus melhores correspondentes. A SIC prepara uma grande reportagem dessas com investigadores que passaram dias no colégio a averiguar factos. Emitem-se programas documentários sobre jovens problemáticos e ódio racial. A juventude Skinhead finge revolucionar- se a respeito disto. O governo oferece um apartamento à família do miúdo negro.

Situação: Disciplina escolar
Ano 1978: Fazias uma asneira na sala de aula. O professor mandava-te para a rua. Ao chegar a casa mais cedo, o teu pai dava-te duas porque 'alguma deves ter feito'.
Ano 2008: Fazes uma asneira. O professor pede-te desculpa. O teu pai pede-te desculpa e compra-te uma Playstation 3.

A ouvir: Moonspell - Tragic Heights (tinha de ser, hoje vim de t-shirt dos Moonspell e tudo)
Uma solitariedade de Requiem
15 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
6 de junho de 2008
MP3 - VIII
Esta arrepia-me todo! Excelente escolha para primeiro single do album.




Curse the day, hail the night
Flower grown in the wild
In your empty heart
In the breast that feeds
Flower worn in the dark

Can I steal your mind for a while?
Can I stop your heart for a while?
Can I freeze your soul and your time?
Scorpion flower
Token of death
Ignite the skies with your eyes
And keep me away from your light

Surrender tears to your mortal act
Flower cursed be thy fruit
Of your courage last
Of your grand finale
Flower crushed in the ground
In your empty heart
In the breast that feeds
Flower worn in the dark

Can I steal your mind for a while?
Can I stop your heart for a while?
Can I freeze your soul and your time?
Scorpion flower
Token of death
Ignite the skies with your eyes

In your empty heart
In the breast that feeds
Flower worn in the dark

Can I steal your mind for a while?
Can I stop your heart for a while?
Can I freeze your soul and your time?
Scorpion flower
Token of death
Ignite the skies with your eyes

A ouvir: Moonspell - Scorpion Flower
Uma solitariedade de Requiem
11 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Não gosto de vir de carro para o escritório
E porque é que não gosto? Não é pelo transito, não é pelo preço da gasolina, é mesmo porque não consigo vir a ler (já tentei, não resulta, mas o senhor do outro carro foi muito compreensivo).

A ouvir: Carl Orff - Blanziflor Et Helena (Carmina Burana)
Uma solitariedade de Requiem
10 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Twilight Zone...again
Cenário: Centro Comercial Colombo, numa loja que vende computadores, começa por V e acaba em BIS, mas não digo qual é.

EU: Se faz favor (eu sou bem educado), precisava de uma informação sobre o kit wireless da NetCabo (sim eu sou um dos 7 portugueses que não tem internet em casa).

MENINA: Ah, sim...***olhos da menina a revirar enquanto se esforçava para pensar*** (atenção que eu ainda não tinha feito a pergunta) ...ahhh, se calhar é melhor falar ali com o meu colega (o "se calhar" é sempre de desconfiar, mas eu mantive a esperança).

EU: Certo, muito obrigado (sou mesmo bem educado).

EU (agora já para o menino): Desculpe, precisava de uma informação sobre o kit wireless da NetCabo.

MENINO: Diga (é agora, pensei, eu).

EU (rapidamente para não o deixar pensar muito): Eu já tenho TVCabo em casa mas queria aderiar ao pacote (aderir ao pacote é sempre bom) de TV + Telefone + Net. É possível fazê-lo comprando aqui o kit e tratar depois da alteração do contrato?

MENINO: Ahh...pois ***revirou os olhos*** (pronto eu sabia) eu penso que sim, que o kit até tem lá dentro um contrato, mas deixe-me confirmar ali com a minha colega que ela está mais dentro do assunto.

E pronto...foi quando ele se dirigiu à "MENINA" que eu comecei novamente a ouvir a música do Twilight Zone...e as vozes dentro da minha cabeça..."mata-os, mata-os".

Será que estranharam que quando se voltaram eu já não estava lá?

A ouvir: Type O Negative - In Praise Of Bacchus
Uma solitariedade de Requiem
11 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Cafeína...
Logo pela manhã sem sequer ter tomado café ainda...é para verem a quantidade de cafeína que ainda cá anda nas veias!

The Caffeine Click Test - How Caffeinated Are You?


A ouvir: Toranja - Confiar
Uma solitariedade de Requiem
2 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
5 de junho de 2008
Hey Marine!
Seis segundos de filme, com som! Desafio qualquer um a não ficar a rir feito estúpido durante uns 10 minutos. Eu acho que até fiz uma pinguinha....



A ouvir: Skank - Ali
Uma solitariedade de Requiem
11 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Já cá canta
Já cá canta a cartinha de recomendação da APK (Associação Portuguesa de Kendo) para eu ir fazer o meu exame de Shodan (1º Dan) de Jodo!

Portanto o relógio começa a contar agora e os nervos a aumentar. Dia 28 de Julho parto para Eindhoven para o estágio de Verão e algures durante a tarde de dia 30 farei o meu exame.

Tic, tac, tic, tac...

A ouvir: Angra - Lasting Child
Uma solitariedade de Requiem
9 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Ginástica
Para todos os gajos que acham que estão a ficar com uma barriguinha mais saliente e querem trabalhar no sentido de ficarem mais esbeltos e no entanto não têem tempo de ir ao ginásio venho recomendar estes DVDs para fazerem ginástica em casa.

Agora quero ver se não ficam com vontade de fazer uns exerciciozitos!

A ouvir: Da Weasel - Mundos Mudos
Uma solitariedade de Requiem
11 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Disney


Para quem tem putos ("click" na imagem para ver maior). É uma pena que a imagem dos livros seja da versão espanhola, alguem não esteve para ter o trabalho de tirar fotografias novas, mas parece-me uma boa colecção para os mais miudos.



A ouvir: Probot - Sweet Dreams
Uma solitariedade de Requiem
3 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Consultor ou Prostituto?
Pela milésima vez recebi este email, mas como agora tenho um blog posso dar-me ao luxo de publicar estas parvoeiras.

Peço desculpa por ir em inglês mas não estou com paciência para traduzir.

E sabem qual é a parte triste? É que me revejo em quase todas as alineas...

PROSTITUTE OR CONSULTANT?

  • You work very odd hours.
  • You are paid a lot of money to keep your client happy.
  • You are paid well but your pimp gets most of the money.
  • You spend a majority of your time in a hotel room.
  • You charge by the hour but your time can be extended for the right price.
  • You are not proud of what you do.
  • Creating fantasies for your clients is rewarded.
  • It's difficult to have a family.
  • You have no job satisfaction.
  • If a client beats you up, the pimp just sends you to another client.
  • You are embarrassed to tell people what you do for a living.
  • People ask you what you do and you can't explain it.
  • Your family hardly recognizes you at reunions (at least the reunions you attend).
  • Your friends have distanced themselves from you and you're left hanging with only other professionals.
  • Your client pays for your hotel room plus your hourly rate.
  • Your client always wants to know how much you charge and what they get for the money.
  • Your pimp drives nice cars like Mercedes or BMWs.
  • Your pimp encourages drinking and you become addicted to drugs to ease the pain of it all.
  • You know the pimp is charging more than you are worth but if the client is foolish enough to pay it's not your problem.
  • When you leave to go see a client, you look great, but return looking like hell (compare your appearance on Monday A.M. to Friday P.M.).
  • You are rated on your performance in an excruciating ordeal.
  • Even though you get paid the big bucks, it's the client who walks away smiling.
  • The client always thinks your cut of your billing rate is higher than it actually is, and in turn, expects miracles from you.
  • When you deduct your take from your billing rate, you constantly wonder if you could get a better deal with another pimp.
  • Everyday you wake up and tell yourself you're not going to be doing this stuff for the rest of your life.


A ouvir: Probot - Shake Your Blood
Uma solitariedade de Requiem
5 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
4 de junho de 2008
Futurologia n'A Bola
Segundo um artigo no site da Bola, Nihat Kahveci, avançado Turco disse:

«Temos estado ausentes das últimas competições internacionais, ao contrário de Portugal que mantêm as boas actuações. Foram finalistas no Euro-2008 e semi-finalistas no Mundial-2010. São por isso favoritos do grupo e no jogo contra nós»


Maya, pendura as chuteiras! Este homem é que sabe prever o futuro!


A ouvir: Guns 'N' Roses - Yesterday
Uma solitariedade de Requiem
4 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
FC Porto pode participar nas competições europeias
Segundo ultimo comunicado da UEFA o FC Porto pode participar nas competições europeias 2008/09.

Basta comprar o Pro Evolution Soccer 08 ou o FIFA 08 e jogar numa consola PS2, PS3, PSP, Wii ou X360.


Eu nem gosto de futebol, mas para gozar estou sempre pronto...

A ouvir: Soundgarden - Nothing to Say
Uma solitariedade de Requiem
0 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Ainda venho assustado
A sério que venho.

Aproveitei a hora de almoço para ir ao banco e juro, juro mesmo, que a senhora que me atendeu tinha um bicho peludo (provavelmente já morto) em cima da cabeça!

E pela maneira como ela olhou para mim dei um bocado nas vistas com o "arregalamento" dos olhos.

A ouvir: Old Man's Child - Black Marvels of Death
Uma solitariedade de Requiem
7 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
鞘の中の勝ち
Quem me conhece ou vai lendo aqui as minhas coisitas já sabe com toda a certeza que tenho um fascínio especial pelo Japão.

E porque me apetece fica mais um pensamento nipónico.

鞘の中の勝ち significa literalmente algo como "vitória dentro da baínha (da espada)".

O meu desafio fica a quem quiser. Deixem um comentário com a vossa interpretação desta frase. Como qualquer pensamento Zen não existem respostas erradas. Eu tenho a minha interpretação, queria ouvir as vossas (amanhã eu partilho a minha).

A ouvir: Black Eyed Peas - Ba Bump
Uma solitariedade de Requiem
20 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Cheirinho Matinal
Eu compreendo que certas pesosas tenham um odor corporal peculiar e que no final do dia tenham um aroma menos agradável.

Agora de manhã? Logo pela fresca? Tenham a santa paciência! TOMEM BANHO! Porcos do caraças!

Qualquer dia entro no comboio logo armado de spray ambientador!

A ouvir: 300 OST - Returns a King
Uma solitariedade de Requiem
4 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Desafio
O Arcanjo desafiou-me a escrever uma frase com apenas 6 palavras onde conseguisse rever uma memória (pelo menos foi o que eu percebi).

Como não sou gajo de me negar cá vai:

Tenho os joelhos esfolados outra vez.


Era um puto sossegadito, era...

E agora para passar o desafio...faço como de costume. Estás a ler isto? Considera-te desafiado.

A ouvir: Soulfly - In The Meantime
Uma solitariedade de Requiem
0 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas: ,
3 de junho de 2008
Gravatas
Ok, isto pode ser uma cena totalmente de gaja, mas se há coisa que eu detesto é estar num sítio e encontrar um gajo com uma gravata igual à minha.

Eu esforço-me para comprar as mais espampanantes, mas parece que mesmo assim há algumas pessoas com ideias semelhantes.

Vou trancar-me aqui na sala e não saio hoje!

A ouvir: Slayer - Live Undead
Uma solitariedade de Requiem
14 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Administrar um comprimido a um gato
Como eu adoro gatos (NOT!) decidi partilhar estas instruções que recebi hoje por email.

1. Pegue no gatinho e aninhe-o no seu braço esquerdo como se segurasse um bebé. Coloque o indicador e o polegar da mão direita nos dois lados da boquinha do bichano e aplique uma suave pressão nas bochechas enquanto segura o comprimido na palma da mão. Quando o amorzinho abrir a boca atire o comprimido lá para dentro. Deixe-o fechar a boquita e engolir.

2. Recupere o comprimido do chão e o gato de detrás do sofá. Aninhe o gato no braço esquerdo e repita o processo.

3. Vá buscar o gato ao quarto e deite fora o comprimido meio desfeito.

4. Retire um novo comprimido da embalagem, aninhe o gato no seu braço enquanto lhe segura firmemente as patas traseiras com a mão esquerda. Obrigue o gato a abrir as mandíbulas e empurre o comprimido com o indicador direito até ao fundo da boca. Mantenha a boca do gato fechada enquanto conta até dez.

5. Recupere o comprimido de dentro do aquário e o gato de cima do guarda-fatos. Chame a sua esposa do jardim.

6. Ajoelhe-se no chão com o gato firmemente preso entre os joelhos, segure as patas da frente e de trás. Ignore os rosnados baixos emitidos pelo gato. Peça à sua esposa que segure firmemente a cabeça do gato com uma mão enquanto força a ponta de uma régua para dentro da boca do gato com a outra. Deixe cair o comprimido ao longo da régua e esfregue vigorosamente o pescoço do gato.

7. Vá buscar o gato ao suporte do cortinado e retire outro comprimido da embalagem. Tome nota para comprar outra régua e reparar as cortinas. Cuidadosamente varra os cacos das estatuetas e dos vasos do meio da terra e guarde-os para colar mais tarde.

8. Enrole o gato numa toalha grande e peça à sua esposa para se deitar por cima de forma a que apenas a cabeça do gato apareça por debaixo do sovaco. Coloque o comprimido na ponta de uma palhinha de beber, obrigue o gato a abrir a boca e mantenha-a aberta com um lápis. Assopre o comprimido da palhinha para dentro da boca do gato.

9. Leia a literatura inclusa na embalagem para verificar se o comprimido faz mal a humanos, beba uma cerveja para retirar o gosto da boca. Faça um curativo no antebraço da sua esposa e remova as manchas de sangue da carpete com o auxilio de água fria e sabão.

10. Retire o gato do barracão do vizinho. Vá buscar outro comprimido. Abra outra cerveja. Coloque o gato dentro do armário e feche a porta até ao pescoço de forma a que apenas a cabeça fique de fora. Force a abertura da boca do gato com uma colher de sobremesa. Utilize um elástico como fisga para atirar o comprimido pela garganta do gato abaixo.

11. Vá buscar uma chave de fendas à garagem e coloque a porta do armário de novo nos eixos. Beba a cerveja. Vá buscar uma garrafa de whisky. Encha um copo e beba. Aplique uma compressa fria na bochecha e verifique a data de quando apanhou a última vacina contra o tétano. Aplique compressas de whisky na bochecha para desinfectar. Beba mais um copo. Atire a T-Shirt fora e vá buscar uma nova ao quarto.

12. Telefone aos bombeiros para virem retirar o cabrão do gato de cima da árvore do outro lado da rua. Peça desculpa ao vizinho que se estampou contra a vedação enquanto tentava desviar-se do gato em fuga. Retire o último comprimido de dentro da embalagem.

13. Amarre as patas da frente às patas de trás do filho da puta do gato, com a mangueira do jardim e de seguida prenda firmemente à perna da mesa da sala de jantar. Vá buscar as luvas de couro para trabalhos à garagem. Empurre o comprimido para dentro da matraca da besta seguido de um grande pedaço de carne. Seja suficientemente bruto, segure a cabeça do corno na vertical e despeje-lhe um litro de água pela goela abaixo para que o comprimido desça.

14. Beba o restante whisky. Peça à sua esposa que o conduza às emergências e sente-se muito quieto enquanto o médico lhe cose os dedos, o antebraço e lhe remove os restos do comprimido de dentro do seu olho direito. A caminho de casa contacte a loja das mobílias para encomendar uma nova mesa de jantar.

15. Trate de tudo para que a protectora dos animais venha buscar o cabrão do gato mutante fugido do inferno. Telefone para a loja dos animais e pergunte se têm tartaruguinhas.

A ouvir: Pain - Zombie Slam (hoje lixei-me para o cliente e liguei os phones)
Uma solitariedade de Requiem
3 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
2 de junho de 2008
Dia da Criança
É tão bom receber prendinhas do dia da criança, mesmo com 34 anos!

São momentos como esse que me fazem ficar contente por nunca ter crescido (por dentro, que por fora é uma miséria).

Vai atrasado, mas fica na mesma, beijinhos e abraços a todos os que não se deixam crescer por dentro.

A ouvir: Sisters of Mercy - No Time To Cry
Uma solitariedade de Requiem
8 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
MP3 - VII
Poucas coisas me fazem rir segunda feira de manhã, mas desta vez posso agradecer o Pedro Ribeiro da Comercial que me trouxe esta pérola da música portuguesa logo pela manhãzinha.

Gostaria de chamar a atenção especial ao "xofrendo".

Enjoy...e é para ouvir até ao fim.



A ouvir: Julio Miguel e Leninha - O Filho do Recluso
Uma solitariedade de Requiem
2 solitariedades alheias
Links para esta mensagem
Etiquetas:
Mensagens mais recentes
Mensagens antigas
Página inicial
Subscrever: Mensagens (Atom)